Buscar
  • Assessoria

ALESP SEDIARÁ HOMENAGEM AO CENTENÁRIO DE NASCIMENTO DE DOM PAULO EVARISTO ARNS


Deputado Enio Tatto e a jornalista Evanize Sydow.

A Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp) sediará o primeiro evento em comemoração ao centenário de nascimento de Dom Paulo Evaristo Arns (1921/2016), o Bispo dos Oprimidos.Será uma exposição sobre a vida e a luta política e social do Cardeal Arns, em princípio marcada para ocorrer entre os dias 10 de outubro de 2020 e 10 de dezembro de 2020.  A iniciativa tem o apoio da Mesa Diretora da Alesp.


Para tratar da exposição em nome da Mesa Diretora da Alesp, o 1º secretário da Casa, deputado Enio Tatto (PT), recebeu no dia 11 passado a curadora da exposição e biógrafa de Dom Paulo Evaristo Arns, jornalista Evanize Sydow.


“Dom Paulo Evaristo Arns merece essa homenagem da Assembleia Legislativa pela sua atuação pastoral voltada aos moradores das periferias, aos trabalhadores e trabalhadoras, à criação de comunidades eclesiais de base (CEB) e à defesa intransigente dos direitos da pessoa humana”, justifica Enio Tatto.


O deputado lembra que em reconhecimento por sua obra humanitária, Dom Paulo recebeu vários prêmios no Brasil e no exterior. Entre eles o Prêmio Nansen do Alto Comissariado da ONU para Refugiados (Acnur), o Prêmio Niwano da Paz (Japão), e o Prêmio Internacional Letelier-Moffitt de Direitos Humanos (EUA).


Dom Paulo Evaristo Arns nasceu em Forquilhinha, Santa Catarina, no dia 14 de setembro de 1921. Filho de Gabriel Arns e Helena Steiner, descendentes de imigrantes alemães, quinto de treze filhos do casal, tem três irmãs freiras e um irmão que faz parte da Ordem dos Frades Menores. Era irmão de Zilda Arns, morta em 2010, no terremoto ocorrido em Porto Príncipe, capital do Haiti, onde realizava trabalhos Humanitários.


0 visualização

© 2020 - Deputado Estadual Enio Tatto