Buscar
  • Assessoria

ALESP SEDIARÁ HOMENAGEM AO CENTENÁRIO DE NASCIMENTO DE DOM PAULO EVARISTO ARNS


Deputado Enio Tatto e a jornalista Evanize Sydow.

A Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp) sediará o primeiro evento em comemoração ao centenário de nascimento de Dom Paulo Evaristo Arns (1921/2016), o Bispo dos Oprimidos.Será uma exposição sobre a vida e a luta política e social do Cardeal Arns, em princípio marcada para ocorrer entre os dias 10 de outubro de 2020 e 10 de dezembro de 2020.  A iniciativa tem o apoio da Mesa Diretora da Alesp.


Para tratar da exposição em nome da Mesa Diretora da Alesp, o 1º secretário da Casa, deputado Enio Tatto (PT), recebeu no dia 11 passado a curadora da exposição e biógrafa de Dom Paulo Evaristo Arns, jornalista Evanize Sydow.


“Dom Paulo Evaristo Arns merece essa homenagem da Assembleia Legislativa pela sua atuação pastoral voltada aos moradores das periferias, aos trabalhadores e trabalhadoras, à criação de comunidades eclesiais de base (CEB) e à defesa intransigente dos direitos da pessoa humana”, justifica Enio Tatto.


O deputado lembra que em reconhecimento por sua obra humanitária, Dom Paulo recebeu vários prêmios no Brasil e no exterior. Entre eles o Prêmio Nansen do Alto Comissariado da ONU para Refugiados (Acnur), o Prêmio Niwano da Paz (Japão), e o Prêmio Internacional Letelier-Moffitt de Direitos Humanos (EUA).


Dom Paulo Evaristo Arns nasceu em Forquilhinha, Santa Catarina, no dia 14 de setembro de 1921. Filho de Gabriel Arns e Helena Steiner, descendentes de imigrantes alemães, quinto de treze filhos do casal, tem três irmãs freiras e um irmão que faz parte da Ordem dos Frades Menores. Era irmão de Zilda Arns, morta em 2010, no terremoto ocorrido em Porto Príncipe, capital do Haiti, onde realizava trabalhos Humanitários.


17 visualizações

© 2020 - Deputado Estadual Enio Tatto