Buscar
  • Assessoria

MASSACRE EM PARAISÓPOLIS: A PERIFERIA TAMBÉM MERECE RESPEITO


A Bancada do PT na Assembleia Legislativa realizou entrevista coletiva sobre o massacre em Paraisópolis, que culminou com nove jovens mortos em ação da Polícia Militar durante baile funk, na madrugada de sábado para domingo (1º).

Ao final da coletiva fui entrevistado pelo coletivo Jornalistas Livres.


Sou morador da periferia na Zona Sul da Capital há mais de 40 anos, mesma região do Bairro Paraisópolis.


Sei que os pancadões são a única forma de divertimento dos jovens da periferia, onde faltam equipamentos públicos de lazer.


A ação policial que resultou no massacre é consequência da política do governo Doria de criminalização do funk na periferia, onde a segurança pública inexiste.


É mais um episódio de um método de segurança que criminaliza e ataca cidadãos periféricos, pobres e negros. #juntossomosfortes #eniotatto #paraisopolis #pancadao #funk

3 visualizações

© 2020 - Deputado Estadual Enio Tatto